Agricultura | 30/11/2017 - 09:51

Brasil tem tolerância 5 mil vezes maior do que a Europa na aplicação de agrotóxicos

Foto: Pixabay

Autor: Da Redação / Com informações Portal UOL


O limite de tolerância para a contaminação na água por agrotóxicos (pesticidas utilizados nas lavouras) é 5 mil vezes maior do que o permitido na Europa. A presença do herbicida glifosfato na água potável é permitida em até 0,1 miligramas por litro na Europa. No Brasil, a tolerância é 500 vezes mais branda.

Esses e outros dados foram publicados recentemente pelo estudo Geografia do Uso de Agrotóxicos no Brasil e Conexões com a União Europeia, da pesquisadora Larissa Mies Bombardi, do Laboratório de Geografia Agrária da Universidade de São Paulo (USP).

Segundo o levantamento, o Brasil tem 504 agrotóxicos de uso permitido em solo nacional. Destes, 30% são proibidos na Europa. Outra grande diferença da legislação brasileira é a flexibilidade na utilização de herbicidas nas culturas de feijão e soja. Aqui se pode utilizar uma quantidade 400 e 200 vezes superior respectivamente quando comparada ao velho continente.

"Infelizmente, ainda não é possível banir os agrotóxicos. Por isso, é importante questionar por que o governo brasileiro não usa parâmetros observados no exterior", afirma Bombardi em entrevista ao Portal UOL.

Em nota enviada à reportagem do UOL, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informa que "realiza a avaliação toxicológica dos agrotóxicos, antes de os mesmos serem registrados pelo Ministério da Agricultura" e que há uma série de restrições para registros de agrotóxicos no país, como nos casos que não haja antídoto ou tratamento eficaz no Brasil".

>> Veja também: Bélgica é mais um país que anuncia a proibição do glifosfato, herbicida presente nos agrotóxicos

O estudo de Bombardi revela ainda que a cada dia oito brasileiros são contaminados por agrotóxicos de acordo com os números oficiais, ou seja, sem contar com os subnotificados. "A intoxicação representa 2% do total de problemas de saúde que podem acometer a sociedade. As doenças crônicas não são estudadas como deveriam", disse.

De acordo com dados da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), entre 2007 e 2014 mais de 1 milhão de brasileiros foram intoxicados por agrotóxicos. O Brasil é o país que mais utiliza agrotóxicos no mundo. Um quinto do que é comercializado mundialmente é comprado pelos brasileiros.

Dados da Anvisa estimam que 5 kg de agrotóxicos sejam consumidos por habitante a cada ano no Brasil.

Voltar